Páginas

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

EU TE AMO MEU FILHO!!!


Eu te amo
até na dor da saudade
que sua ausência
impiedosa causa em mim
Indelével me açoita
machuca minha alma
nas horas silentes
que se arrastam devagar
Saudade ensandecida
vagueia poetando a esmo
chorando pelos cantos
te busca na escuridão
A noite fria e triste
avança meio esmaecida
pela madrugada gélida
vazia e insone sem ti

( Van Albuquerque )

Seguidores