Páginas

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

AUSÊNCIA QUE MATA....




Ausência que mata...

Anjos de alegria e luz,
Fonte de carinho eterno.
Dor que nos detém a alma,
Saudades que nos tira a calma.

Crianças que nos embalaram,
Sonhos perdidos e inacabados.
Gotas de energia e riso,
Paz que eu ainda não consigo.

Tempo que ficou para trás,
Mãos que não me encontram mais.
Sol que se apagou no céu,
Vida que nos deu o fel.

Tetas que amamentaram,
Braços que sempre ninaram.
Com canções líricas sempre afagaram,
Tendo o primórdio de se receber.

Somos anjos mães,
Que se compadecem.
A medida sórdida,
Que nos aparece.

Chora-se a dor da ausência louca,
De não se poder te beijar com boca.
No limiar desta angústia ardida,
Este peito chora sua despedida.

Anjos e estrelas cadentes,
Que vivem neste firmamento.
Embalem nossos corações,
Pois a dor ainda machuca a gente!

Cantem as nossas cantigas,
Nos façam levantar pra vida.
Pois as forças em nós suplantou,
Sem deixar alento para nossa dor...


PS: EU  AMO  VOCÊS, MEUS AVIADORES, ETERNOS AMORES, HOJE POMBOS E BEIJA FLORES, NOS DEIXANDO SOMENTE SAUDADES E DORES
ANTES NESSE DIA ERAMOS FESTEJOS, CHURRASCOS E  AMORES
TEMPOS IDOS PRA SEMPRE
TEMPOS  QUE  ERAM SÓ  FLORES
AGORA, TRISTEZA, SAUDADES E ETERNAS DORES!!!   

AMIGOS NÃO TEM O QUE DIZER, MEUS FILHOS, UM DO CORAÇÃO E OUTRO DE TODAS AS MINHAS VIDAS, AMOR ETERNO NO MEU CORAÇÃO, PARECE MENTIRA QUE MINHA VIDA SE TORNOU EM APENAS DOIS MESES E OITO DIAS DE DIFERENÇA NUM PALCO DE SOLIDÃO, CHOROS, SAUDADES, DORES, MUITAS DORES, DE SABER QUE BÃO MAIS VEREI MEUSMENINOS, É TRISTE MUITO TRISTE,OS DOIS AVIADORES, IRMÃOS, PARCEIROS EM TUDO, ATÉ NA PIOR DAS DORES, HOJE OS CHAMO MEUS POMBOS E BEIJA FLORES...

MICHEL E CHARLES, ESTEJAM EM PAZ, NA LUZ, COM JESUS, MAS NÃO ESQUEÇAM QUE AQUI FICOU UM CORAÇÃO A SANGRAR  ETERNAMENTE, PORQUE ERAM MEUS MENINOS, MEUS AMORES, 
AGORA TENHO COMO AMIGA A DOR E COMPANHEIRA A SOLIDÃO E NAS HORAS DE ENTRE  UMA E OUTRA ME VISITA A SAUDADE QUE ME DISSE QUE FOLGA, NUNCA MAIS OLGA!!!   

Seguidores