Páginas

domingo, 28 de abril de 2013

LAÇOS DE AMOR:

Laços de amor...


Ainda que o mundo acabe,
que tudo ao redor desabe,
recordarei de ti...

Mesmo que a solidão insista,
que esta minha dor persista,
recordarei vocês...

Na ausência de teu sorriso,
da alegria de ter vivido,
recordarei então...

Que momentos tão preciosos,
ternos, doces valorosos,
vivem dentro de mim...

Mesmo que não os veja,
que apenas sinta com sutileza,
ainda assim, recordarei vocês...

Na adversidade da vida,
em dimensões proferidas,
ainda assim,
estaremos ligados...

Pois a vida jamais termina,
apenas se modifica,
ficando esta grande saudade!

E o laço de amor fica forte,
neutralizando o enfoque,
de uma vil separação...

Ainda que na face,
role lágrimas de saudades,
os terei no coração!

Anjos de Deus com certeza,
que iluminam com beleza,
os olhos desta missão...

Três anos de saudades, com a ausência de meus anjos
queridos, Adriana e Guilherme!
Que Deus os abençoe a cada dia, para que
possam trilhar a luz celestial...
Mesmo doendo o peito por uma grande saudade,
saibam que eu estou bem!
Bem por acreditar, que vocês continuam vivos...
Vivos em meu coração e noutra dimensão!
Os amo muito, filhos queridos!!!
Saudades da mãe,
Izabel Silveira - 06/12/2006

Seguidores